Templo da Boa Vontade | Brasília

Categoria Pontos turísticos
Localização Asa Sul
Avaliação
0.0

O TBV foi fundado pelo diretor-presidente da LBV, José de Paiva Netto, em 21 de outubro de 1989. Desde lá, acolhe todas as pessoas, 24 horas por dia, 7 dias por semana, independentemente de crenças e descrenças religiosas, classe social ou grupo étnico, promovendo a integração da criatura com o Criador.

Nave

Principal ambiente de meditação, o piso em espiral convida os visitantes a percorrer uma faixa de cor escura e outra de cor clara. No meio do trajeto, vê-se a considerada maior pedra de cristal puro do mundo, que emana energias positivas. A caminhada simboliza a busca do ser humano por um ponto de equilíbrio.

Cristal

 

Em 1º de junho de 1989, no topo do TBV, é colocada aquela que é considerada pela mídia a maior pedra de cristal puro do mundo. Segundo estudiosos do assunto, o cristal, além de purificar o ambiente, favorece a cromoterapia — a cura pelas cores.

Todos que adentram a Nave da Paz posicionam-se sob o Cristal Sagrado, para receber as energias que são emanadas.
No topo da Pirâmide das Almas Benditas e dos Espíritos Luminosos, encontra-se o Cristal Sagrado, com cerca de 21 quilos.

Fonte Sagrada

É também um lugar muito prestigiado pelos peregrinos por causa de sua água. Esse líquido precioso percorre diversos filtros, atravessa a Nave do TBV, passando sob o Cristal Sagrado, até jorrar na fonte.

Sala Egípcia

Com uma impressionante decoração, o espaço é uma homenagem ao Antigo Egito, civilização que se estabeleceu de forma marcante no mundo, há quase cinco mil anos. Uma nação exuberante, que acreditava na imortalidade da Alma. Para muitos peregrinos, quem nela entra imerge em um ambiente mais elevado.

Mandala

É uma belíssima obra de arte feita de cristal de rocha com interferência no mármore, em dois planos é também muito procurada por peregrinos e turistas que estendem as mãos em direção ao majestoso painel com o objetivo de fortalecer o Espírito e renovar as energias para enfrentar as batalhas do cotidiano.

Galeria de Arte

Um dos maiores centros culturais de Brasília, possui mais de 570 m2, possui em seu acervo obras de autores internacionalmente renomados, entre eles: Athos Bulcão, Concessa Colaço, Chico Metamorfoses, Roberto Moriconi, Zanini, Di Cavalcanti, Iberê Camargo, Djanira, Volpi, Portinari e Tarsila do Amaral, e ainda abriga mostras itinerantes, concertos, recitais e lançamentos de livros.

Perguntas frequentes

Escreva uma crítica

Clique para avaliar

Esse é o seu negócio?

A listagem de reivindicações é a melhor maneira de gerenciar e proteger sua empresa

Reivindique agora!

Reivindicar este Anúncio

Reivindique sua listagem para gerenciar a página de listagem. Você terá acesso ao painel de listagem, onde poderá fazer upload de fotos, alterar o conteúdo da listagem e muito mais.